O que é Carboxiterapia?

A Carboxiterapia da GiOlaser é um procedimento estético realizado pela infusão de gás carbônico medicinal em diferentes camadas da pele para melhorar a circulação e a oxigenação dos tecidos, promovendo resultado efetivo no combate a flacidez, estrias, celulite, sequelas de acne e rejuvenescimento.

Indicações da Carboxiterapia

A técnica é recomendada, principalmente, para o tratamento da celulite, mas também para amenizar o aspecto da pele como um todo, agindo em estrias e diversas cicatrizes.

Resultados da Carboxiterapia

Em graus iniciais de celulite, por exemplo, o procedimento traz resultados mais visíveis, enquanto em casos avançados, o tratamento é mais discreto. Os efeitos podem permanecer por tempo indeterminado, dependendo dos hábitos de vida do paciente. Pessoas com hábitos saudáveis, que se exercitam regularmente, têm alimentação balanceada e estão dentro do peso normal apresentam menor recorrência do problema.

Como a Carboxiterapia é feita?

A Carboxiterapia usa um aparelho acoplado a um cilindro de gás carbônico medicinal, que regula a vazão do gás para uma seringa com agulha de calibre mínimo, com profundidade de aplicação variável conforme cada caso. Esse gás funciona melhorando a circulação celular e a oxigenação dos tecidos.

Para tratamento de celulite, a agulha é inserida entre a pele e a gordura, dilatando os vasos e otimizando a circulação. A fibrose, então, é rompida pela injeção de gás, e a gordura é mais facilmente queimada pelo aumento do metabolismo que ocorre no local. Já no tratamento de estrias, o gás carbônico é aplicado dentro da cicatriz, distendendo seu tecido e estimulando a formação de colágeno no local.

No caso de olheiras, a Carboxiterapia estimula a melhora da circulação e formação de novos vasos sanguíneos que amenizam a aparência escurecida. Para a flacidez da pele, o benefício está na formação de colágeno e elastina.

Contraindicações da Carboxiterapia

A Carboxiterapia está contraindicada em casos de infecção ativa na região a ser tratada e doença pulmonar que cause retenção de gás carbônico. Pessoas com alergia na pele, obesidade, herpes, doenças cardíacas e grávidas também não devem se submeter ao tratamento.

Você se interessou pela Carboxiterapia da GiOlaser? Aproveite para já agendar sua avaliação gratuita clicando aqui ao lado!

Dúvidas Frequentes

A Carboxiterapia dói?

A entrada do gás na área provoca um ligeiro descolamento da pele, o que causa certo desconforto e dor. Por isso, recomenda-se iniciar as sessões com menos gás, para que o paciente vá se acostumando aos poucos com a técnica.

Quais os riscos da Carboxiterapia?

Os riscos são raros, no entanto podem surgir alguns efeitos colaterais como: dor e inchaço no local da injeção, sensação de dormência ou de ardência na pele e pequenos hematomas na região da aplicação.

Quantas sessões de Carboxiterapia fazer?

O número de sessões vai depender do objetivo do indivíduo.

A Carboxiterapia é eficaz em qualquer quantidade de gordura localizada?

Com efeitos extremamente localizados, os melhores resultados são quando a quantidade de gordura é pequena e em regiões bastante localizadas.

O que é preciso evitar após o tratamento?

O paciente pode voltar às atividades diárias normalmente. Inclusive, a prática esportiva é desejável.