4 jun 2020

4 receitas simples de esfoliantes caseiros para você cuidar da pele

2441      0

Sabia que você pode fazer esfoliantes caseiros de forma simples e acessível? Com apenas alguns ingredientes naturais, é possível fazer excelentes misturas para realizar uma limpeza de pele mais profunda.  A esfoliação é uma técnica recomendada para mulheres e homens. No entanto, mesmo que pareça inofensivo, o procedimento exige cuidados, principalmente para evitar possíveis irritações […]

Sabia que você pode fazer esfoliantes caseiros de forma simples e acessível? Com apenas alguns ingredientes naturais, é possível fazer excelentes misturas para realizar uma limpeza de pele mais profunda

A esfoliação é uma técnica recomendada para mulheres e homens. No entanto, mesmo que pareça inofensivo, o procedimento exige cuidados, principalmente para evitar possíveis irritações e feridas na pele.

Pensando nisso, separamos 4 receitas simples de esfoliantes caseiros para que você entenda como cuidar da saúde da sua pele da melhor forma. Confira a seguir!

Qual a importância dos esfoliantes para o cuidado da pele?

A esfoliação é uma técnica indolor que consiste em esfregar uma substância de microesferas que não se dissolvem na pele. Com o procedimento, os poros são abertos e permitem que diversas impurezas e células mortas sejam removidas, preparando adequadamente a pele para ser hidratada.

Dessa maneira, produtos hidratantes penetram mais facilmente na pele, deixando a área mais suave e macia após a aplicação. Por aumentarem a circulação sanguínea e estimularem a renovação celular da superfície, os esfoliantes também são fundamentais para manter a região do tecido externo bonita e rejuvenescida.

Além disso, o procedimento ainda é capaz de atenuar rugas e linhas de expressão, atuando efetivamente contra o envelhecimento precoce. Por apresentar uma textura granulada, a técnica oferece uma limpeza profunda que desintoxica a pele, tornando-a mais lisa, macia e suave, e devolvendo o aspecto natural das diferentes regiões do corpo.

Quais são as receitas de esfoliantes caseiros indicados para a pele?

A frequência com que se deve esfoliar a pele varia dependendo do tipo de pele de cada pessoa. Quem tem peles mais secas, por exemplo, deve realizar o procedimento de uma a duas vezes por semana e, no caso das oleosas ou mistas, o indicado é esfoliar de duas a três vezes semanalmente. 

Também é importante que o produto seja composto de ingredientes naturais, que não agridem o meio ambiente e a saúde. Assim, basta optar por uma receita que seja acessível e adequada para a parte do corpo em que for realizar a aplicação da pasta granulada. 

Para isso, confira, a seguir, 4 receitas de esfoliantes caseiros, o modo de preparo e para qual tipo de pele cada opção é indicada.

1. Esfoliante com aveia

Os esfoliantes que contêm aveia na composição são ótimos para eliminar as células mortas do rosto e hidratar profundamente a pele, ajudando no clareamento de manchas. A opção é mais indicada para peles secas e desidratadas. Assim, você pode utilizar 2 colheres de aveia e 1 colher de mel ou iogurte para fazer a mistura.

Basta juntar todos os ingredientes e aplicar na área por meio de pequenos movimentos circulares por toda a extensão da pele. Ao terminar o procedimento, é importante que a região seja lavada com água fria e hidratada com um bom creme, pois, assim, a elasticidade é facilmente devolvida e a pele se torna mais bonita e saudável.

2. Esfoliante de café

Já o esfoliante caseiro de café pode ser usado no rosto e em todo o corpo, principalmente em áreas que exigem mais esfoliação, como os calcanhares, cotovelos ou joelhos. Isso porque o café oferece poderosas propriedades antioxidantes, atuando na remoção de impurezas e na diminuição da oleosidade.

Para tornar a pele ainda mais macia e hidratada após o tratamento, é recomendado que o café seja utilizado com outro ingrediente que estimule a regeneração do tecido externo. Uma boa alternativa é misturá-lo com leite integral ou azeite, até obter uma pasta homogênea.

3. Esfoliante com açúcar mascavo

O esfoliante à base de açúcar mascavo funciona para todos os tipos de pele, sendo excelente também para peles mais sensíveis por não causar irritações. O ingrediente remove facilmente todo tipo de resíduo contido nos poros, favorecendo a regeneração celular

O açúcar pode ser combinado com chá verde ou matcha, o que ajuda a clarear e eliminar manchas escuras que aparecem ao redor do pescoço, do cotovelo e dos joelhos. No entanto, é imprescindível passar uma boa camada de hidratante após o procedimento para ter uma ação ainda mais efetiva do esfoliante.

4. Esfoliante de azeite

Quando misturado com sal, o azeite é capaz de fazer milagres para a pele. O sal é responsável pela esfoliação e o azeite age como um potente hidratante e regenerador de micro-lesões causadas pelo atrito dos grãos na região de aplicação. Sendo assim, a opção é ideal para pessoas com pele seca, normal ou mista, funcionando muito bem para o equilíbrio do pH da pele. 

Para a receita, você pode usar 1 colher de sopa de sal e 3 colheres de sopa de azeite. Basta misturar tudo em um recipiente limpo e seco e fazer a aplicação com movimentos suaves e circulares. É importante que a área seja limpa com água fria para que os poros se fechem após a esfoliação.

Quais cuidados são necessários ao aplicar os esfoliantes?

A esfoliação requer alguns cuidados antes e depois da aplicação da mistura, de acordo com cada tipo de pele. É muito importante que a área esteja limpa para que a técnica apresente efeitos intensos e eficientes. Para isso, você pode lavar o rosto com água fria ou usar um demaquilante emoliente antes de passar o produto. 

Da mesma forma, para ajudar na penetração do esfoliante na pele, é preciso que a aplicação seja feita com movimentos delicados e circulares. Dependendo da sensibilidade da área, é fundamental ter ainda mais cuidado com a intensidade dos movimentos. Os olhos, por exemplo, não precisam ser esfoliados.

Após o procedimento, a pele fica um pouco mais sensível e o ideal é passar um bom creme de hidratação. Também é importante evitar a depilação antes ou logo após a esfoliação, assim como a exposição direta ao sol.

Para sentir os efeitos positivos dos esfoliantes caseiros, lembre-se de que é essencial associar o tratamento a outros cuidados com a pele e com a saúde como um todo. Para isso, mantenha sempre uma boa alimentação e procure evitar ao máximo o uso de produtos ácidos ou com alta concentração de ativos após a esfoliação. Certamente, seguindo as nossas dicas, a sua pele ficará muito mais bonita, macia e luminosa!

Gostou do artigo? Então, aproveite a visita ao blog e siga a GiOlaser nas redes sociais para acompanhar todos os nossos conteúdos exclusivos! Estamos no Facebook, e no Instagram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Agende sua avaliação