Banner

As olheiras são caracterizadas pela concentração anormal de vasos sanguíneos sob a pálpebra inferior. Isso pode resultar em uma coloração mais escurecida abaixo da região dos olhos. Os tipos dependem da intensidade da pigmentação, coloração e estrutura das pálpebras. As principais causas do problema incluem má circulação sanguínea, cansaço físico e estresse.

Por ser algo muito comum e que causa incômodos, é importante conhecer alguns tratamentos estéticos para olheiras. Muitas mulheres costumam apostar na maquiagem como uma maneira de disfarçá-las rapidamente. Mas, para fazer as pazes com o espelho, vale a pena investir em procedimentos que dão um fim à pigmentação escura na região.

Neste post, mostraremos quais são os principais tratamentos estéticos que minimizam as olheiras. Confira!

Carboxiterapia facial

A carboxiterapia facial é um tratamento que consiste em aplicar injeções de gás carbônico sob as pálpebras inferiores. Esse processo auxilia na circulação do sangue na região, aumenta a produção de colágeno e clareia a pele embaixo dos olhos. O procedimento é uma excelente alternativa para combater as olheiras, o que confere um olhar mais jovem e leve.

Em geral, o número de sessões varia de acordo com a pessoa e é necessária cerca de uma sessão por semana, durante 3 meses para completar o tratamento. A carboxiterapia facial é muito segura e eficaz. Como efeitos colaterais, normalmente, há o aparecimento de um pequeno hematoma no local das injeções. No entanto, ele diminui consideravelmente com a aplicação de frio durante alguns minutos.

Luz pulsada

Indicado para as olheiras de cor amarronzada e com a presença de vasos, a luz pulsada é um procedimento que auxilia a ativar a circulação sanguínea. O tratamento também pode ser combinado com uma drenagem linfática em seguida, para retirar os líquidos liberados no local.

Além de clarear, o calor que é emitido pela luz estimula a produção de colágeno, melhorando a qualidade da pele na região. A técnica é rápida e simples. O aparelho utilizado é adequado ao tipo de pele dos pacientes. O procedimento não é invasivo e é uma maneira de corrigir as imperfeições da pele.

Nos dias posteriores ocorre um leve escurecimento na região que clareia aos poucos, a partir do sétimo dia após o tratamento. A aplicação é realizada de maneira seriada e, para obter os resultados desejados, é importante fazer de 4 a 6 sessões. Com isso, a olheira é clareada, dando uma aparência mais jovem à pele.

Peelings

Além de melhorar o aspecto das olheiras, o peeling pode ser realizado para o alívio das linhas de expressão e rugas. Isso porque o tratamento estimula a renovação das células e ajuda na eliminação do pigmento concentrado, auxiliando no clareamento de regiões escuras.

Os peelings mais recomendados para essa situação são os feitos com o ácido retinóico e glicólico, como o peeling químico. Essa técnica usa a ação dessas substâncias para promover a renovação e esfoliação da pele. A profundidade do tratamento varia de profunda a superficial, de acordo com a necessidade de cada pessoa.

Durante esse procedimento, a pele fica avermelhada e sensível, podendo descamar. Portanto, o ideal é usar um creme hidratante com protetor solar, além de evitar se expor ao sol por até 10 dias após o tratamento.

Preenchimento

O preenchimento com ácido hialurônico é muito eficaz contra as orelhas profundas. Isso porque, além de causar mais volume, acabando com o contorno escuro, essa substância deixa a área mais hidratada. O tratamento é feito por meio da aplicação injetável do ácido na região do olho.

Com a face previamente higienizada, o profissional aplica um anestésico tópico local para aliviar qualquer desconforto ou dor da injeção. Após isso, com a ajuda de uma agulha bem fina e pequena, o dermatologista deposita aos poucos a substância na área abaixo dos olhos.

De maneira geral, o resultado dura cerca de dois anos, dependendo da pessoa e do profissional que aplicou a técnica. Contudo, você pode fazer a manutenção do tratamento sempre que houver necessidade.

Drenagem linfática

Uma drenagem linfática facial feita na área da testa e olhos aumenta a microcirculação da área, eliminando as manchas arroxeadas e o inchaço. A massagem com movimentos suaves e ritmados melhora a circulação local, elimina o excesso de líquido retido e hidrata. Esse procedimento, que também melhora as linhas faciais, pode ser feito em todos os tipos de pele.

A técnica é realizada uma ou duas vezes por semana, com uma sessão que dura 30 minutos. Para um resultado ainda melhor, a drenagem pode ser associada com cremes, já que os ativos penetrarão com mais eficácia e rapidez. No entanto, lembre-se de perguntar ao dermatologista qual o melhor produto a ser usado.

Limpeza de pele ultrassônica

Esse tipo de limpeza é muito parecido ao peeling suave, feito com um dispositivo que tem o objetivo de emitir uma corrente ultrassônica de vibração de alta frequência. De maneira geral, o procedimento elimina a camada mais superficial da pele e as células mortas, o que proporciona a remoção das impurezas e a melhora da circulação sanguínea na área das olheiras.

O tratamento é feito por meio de uma espátula de aço cirúrgico que emite correntes ultrassônicas. Esse objeto é levemente pressionado e deslizado por todas as áreas do rosto. São essas correntes que esfoliam e fazem a limpeza cutânea, retirando células mortas e partículas de oleosidade, desobstruindo os poros. Todo esse processo ajuda a diminuir a aparência das olheiras, clareando-as.

Microagulhamento

Você sabia que o microagulhamento pode ser usado em vários tratamentos de pele? O procedimento usa um equipamento com diversas agulhas pequenas que perfuram a pele, estimulando a produção de colágeno.

Esse estímulo proporciona, de modo natural, uma derme mais clara, menos oleosa e com uma significativa redução das marcas de expressão. Ao associar a técnica com o uso de ativos clareadores estéreis que penetram nas aberturas, pode amenizar as olheiras, por agir de modo profundo nos pigmentos.

Agora que você já conhece os principais tratamentos estéticos para olheiras, lembre-se de adotar bons hábitos de saúde para prevenir o problema. Além disso, conte com uma clínica de qualidade e bem-conceituada no mercado para a realização dos procedimentos, como aqui na GiOlaser!

Gostou deste post e quer saber mais sobre os tratamentos estéticos para olheiras? Então conheça os nossos principais tratamentos faciais e fique por dentro!


Dicas da GiO

Tipos de tratamento

Teste
Tratamentos Faciais

Indicados para prevenir ou combater consequências do envelhecimento cutâneo como, por exemplo, flacidez, rugas, linhas de expressão e mais...

Teste
Depilação a Laser

Acabe com os pelos indesejáveis pelo corpo inteiro. Mesmo os pelos mais grossos e rebeldes podem ser removidos em apenas algumas sessões.

Teste
Tratamentos Corporais

Não podemos nos esquecer de cuidar da nossa maior e mais importante ferramenta para cumprir as atividades do dia a dia: o nosso corpo.