Banner

A cada ano, o mercado de estética cresce no mundo inteiro, pois o marco crucial da manutenção da saúde e o padrão de beleza imposto pela sociedade traz a busca constante por um corpo esbelto. Com isso, a indústria de cosméticos tem apostado cada vez mais em procedimentos para quem quer cuidar da autoestima e ficar bem consigo mesmo. Uma dessas técnicas que promove a beleza corporal é a intradermoterapia para gordura localizada.

Esse é um procedimento estético não cirúrgico, que tem capacidade de proporcionar resultados visíveis desde a primeira sessão, além de trazer benefícios como redução da celulite e rejuvenescimento da pele. Mas, para isso, é preciso que o paciente contribua com o processo, praticando atividades físicas, bebendo água e tendo uma alimentação balanceada para obter o sucesso e não permitir que o corpo acumule gordura.

Ficou curioso e quer conhecer mais sobre esse procedimento? Então, continue com a gente e saiba tudo sobre intradermoterapia, como funciona, para quem é indicado e em quais regiões do corpo pode ser aplicado. Acompanhe!

O que é a intradermoterapia para gordura localizada?

Também conhecido como mesoterapia, a intradermoterapia é um procedimento que consiste na aplicação de enzimas através de injeção de microagulhas na pele ou de forma subcutânea, com o objetivo de auxiliar na eliminação de gordura.

O fármaco ou produto ativo é selecionado conforme a finalidade do tratamento, a fim de evitar os possíveis efeitos colaterais que o uso sistêmico proporciona. Geralmente, os fármacos injetados são aminoácidos, minerais, vitaminas ou um composto de vários remédios.

Como esse procedimento funciona na prática?

Na prática, o procedimento de intradermoterapia para gordura localizada é simples e seguro. Os fármacos ou ativos são aplicados por meio da injeção de pequenas agulhas diretamente na região a ser tratada, perfurando a pele de um a quatro centímetros de profundidade para levar a solução.

Depois de serem aplicadas, as substâncias começam a agir reduzindo o acúmulo de células gordurosas no local desejado. Assim, a gordura é eliminada de forma natural pelo organismo e o paciente poderá retornar os seus afazeres diários logo após o procedimento.

Além disso, os intradérmicos ativos, quando combinados a outros tratamentos, também tem a função de potencializar os resultados, como tirar manchas da pele, hidratar, diminuir a flacidez, suavizar as rugas, tratar estrias e estimular a reconstrução capilar.

Quais os benefícios desse tratamento?

Em geral, o tratamento é indolor e rápido para a maioria dos pacientes. Assim, a técnica proporciona uma melhor definição do corpo sem a necessidade de um procedimento mais invasivo ou um período longo de recuperação, como a cirurgia.

Além disso, em apenas algumas sessões já é possível obter os resultados esperados e os efeitos colaterais são mínimos, já que não há uma ação sistêmica.

Para quem a intradermoterapia para gordura localizada é mais indicada?

Diversas pessoas têm predisposição para reter gordura em partes específicas do corpo, apresentando dificuldades para eliminá-las, mesmo praticando exercícios físicos e seguindo dietas.

Diante disso, a intradermoterapia é indicada tanto para mulheres quanto para os homens que estão insatisfeitos com seu corpo e que desejam diminuir a gordura localizada em áreas pequenas, como axilas, papada e no tratamento para celulite, estrias e flacidez.

Qual profissional pode fazer essa aplicação?

Para realizar o procedimento é fundamental procurar um profissional habilitado e especializado na área de estética avançada, pois, além de ter um amplo conhecimento em Intradermoterapia, ele também deve sentir-se capacitado em suas qualificações para atender seus clientes e realizar o procedimento com segurança.

Desta forma, o especialista poderá indicar o tratamento mais adequado, informando as perspectivas dos resultados para cada caso, bem como elaborar o melhor plano de tratamento de acordo com as individualidades de cada corpo.

Quantas sessões são recomendadas?

A quantidade de sessões de intradermoterapia para gordura localizada varia de acordo com organismo de cada paciente. No entanto, algumas vezes, a partir de uma a cinco sessões já pode ser observado o resultado, dependendo das substâncias utilizadas. Em média, são recomendadas 10 sessões, com a duração de aproximadamente 30 minutos e com intervalos de 7 a 30 dias.

Por isso, a avaliação prévia individualizada é uma etapa fundamental, pois o profissional especializado é quem determinará os ativos específicos para cada paciente. Além disso, dependendo do tipo de tratamento, o valor do investimento de cada sessão também pode variar de R$ 200,00 a R$ 500,00 reais.

Em quais regiões do corpo é possível realizar esse procedimento?

A intradermoterapia é um procedimento para diminuir gorduras localizadas e, com isso, é comum a sua aplicação em diversas áreas do corpo, sendo as principais: braços, abdômen, quadril, nádegas, pernas, pescoço e coxas.

Contudo, a técnica também pode ser realizada no rosto para reduzir rugas e linhas de expressão, e no couro cabeludo para controlar a queda dos fios.

Quais são os cuidados após o procedimento?

Após o procedimento, a intradermoterapia para gordura localizada não gera nenhum transtorno, possibilitando que a rotina e as atividades diárias sejam mantidas normalmente. No entanto, a região da aplicação pode ficar dolorida, com chances de ocorrer vermelhidão e inchaço, mas que não demora a passar.

Para garantir o resultado e qualidade do procedimento, é preciso que o paciente tome alguns cuidados durante o tratamento, tais como:

  • evitar exposição a radiação UV e ao sol;
  • utilizar protetor solar com 30 FPS;
  • não mexer ou massagear a área de tratamento nos primeiros dias;
  • não usar cosméticos que obstruam as picadas.

Quais são as contraindicações?

Embora seja um procedimento simples e rápido, a intradermoterapia tem contraindicações para alguns casos, como mulheres grávidas, lactantes ou pessoas com doenças cardiovasculares e disfunção renal. Pacientes que tenham alguma alergia às substâncias que serão utilizadas ou com doença de pele na região das possíveis aplicações também devem evitar a aplicação.

Diante disso, para saber se você tem alguma intolerância aos ativos é preciso realizar exames para garantir segurança — você jamais deve realizar o procedimento sem consultar um profissional especialista.

Qual a importância de buscar uma boa clínica de procedimentos estéticos para realizar a intradermoterapia?

Com tantas clínicas e novidades de tratamentos, escolher a melhor em qualidade torna-se difícil. No entanto, na hora de optar por uma clínica ideal para realizar a intradermoterapia para gordura localizada é fundamental ter a certeza de que o ambiente está com todos os alvarás de funcionamento em dia, bem como garantir que os produtos utilizados são regulamentados pela ANVISA e o profissional é especializado em saúde e estética. Esses são itens que, quando em falta, podem colocar a sua saúde em risco.

Por isso, escolha uma empresa qualificada em procedimentos e que conta com os diferenciais para a sua segurança, como a GIOlaser que é uma rede de clínicas aliada à alta tecnologia, que oferece tratamentos eficazes e acessíveis tanto para homens quanto para mulheres. Gostou? Então, veja como o procedimento de intradermoterapia pode dar up na sua autoestima.


Dicas da GiO

Tipos de tratamento

Teste
Tratamentos Faciais

Indicados para prevenir ou combater consequências do envelhecimento cutâneo como, por exemplo, flacidez, rugas, linhas de expressão e mais...

Teste
Depilação a Laser

Acabe com os pelos indesejáveis pelo corpo inteiro. Mesmo os pelos mais grossos e rebeldes podem ser removidos em apenas algumas sessões.

Teste
Tratamentos Corporais

Não podemos nos esquecer de cuidar da nossa maior e mais importante ferramenta para cumprir as atividades do dia a dia: o nosso corpo.